BCN lança fundo de apoio aos pequenos agricultores

231

O Banco Cabo-verdiano de Negócios (BCN) criou um Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Agrícola (FADA), que propicia a inclusão dos pequenos agricultores nacionais. Coube ao administrador Executivo da instituição, Carlitos Fortes, fazer o lançamento deste produto na ilha de São Nicolau, tornando o BCN de imediato no primeiro banco de capital 100 por cento cabo-verdiano a apoiar a inclusão dos empresários agrícolas no meio rural.

O FADA vai financiar as necessidades das pequenas unidades produtivas do sector da agricultura, através da criação de condições mais atractivas para a concretização de operações de crédito, que vão permitir desenvolver e melhorar a competitividade neste sector de actividade. “O FADA prevê financiar a realização de investimentos nas explorações agrícolas: implementação de sistemas de rega gota-a-gota, estufas e outros equipamentos tecnológicos, sementes e factores de produção. E ainda a produção e comercialização de produtos hortícolas, conservação de frutas, legumes e outros, destinados a melhorar as condições de vida, de trabalho e de produção dos pequenos agricultores”, diz o BCN.

De olho neste mercado, esta instituição financeira decidiu apostar na inclusão financeira dos pequenos empresários agrícolas. Os destinatários do fundo são grupos solidários de quatro (mínimo) a 10 (máximo) agricultores constituídos em empresas ou em nome individual. “A taxa de juro para este projecto é de 10 por cento e o período de reembolso dos empréstimos varia entre um a três anos, sendo que a utilização oscila entre seis meses a um ano, com carência de capital”, clarifica, realçando que os prazos poderão ser definidos em função da natureza do projecto.

Diz ainda o BCN que introduziu algumas novidades ao nível da prestação de garantias adequadas ao risco de crédito, como por exemplo a garantia moral ou aval solidário. Testemunham este acto os presidentes das Câmaras Municipais da Ribeira Brava e Tarrafal e o pároco da Pároquia de Nossa Senhora do Rosário.

Constânça de Pina

(Visited 239 times, 1 visits today)