Preço dos combustíveis aumentam pelo quarto mês consecutivo

200

Os combustíveis estão mais caro desde às zero horas desta quinta-feira, 01 de Novembro. Informa a Agência de Regulação Económica (ARE). Trata-se do quarto aumento consecutivo destes derivados do petróleo, com excepção da gasolina que teve uma ligeira redução de 116,40 escudos o litro, para 115,70 cêntimos (-0,60 por cento).

Nesta nova tabela, o gasóleo normal está a ser vendida por 91, 70 escudos o litro, o gasóleo para electricidade 76,50 escudos o litro, o da marinha por 64,50 escudos o litro. O petróleo é negociado desde as zero horas de hoje por 78,40 escudos o litro, o Fuel 380 por 50,90 escudos o litro e o 180 por 59,90 escudos o litro.

O gás butano, que antes era vendido por 129,90 escudos a granel, hoje custa 131,74 escudos. Com isso, paga-se 375 escudos por uma garrafa de três quilos, mais cinco escudos que no mês de Outubro. As garrafas de seis quilos, que custavam 779, agora estão a ser vendidas por 790 escudos, as de 12,5 quilos atingiram os 1.647 escudos e os de 55 quilos 7.246 escudos.

A ARE limita a informar que os preços de combustíveis nos mercados internacionais, cotados em dólares, evidenciaram uma evolução moderada no mês de Outubro, com excepção da gasolina que registou uma ligeira baixa. A agência cita ainda a depreciação do euro para justificar estes novos preços. A próxima actualização de preços será a 01 de Dezembro próximo.

(Visited 210 times, 1 visits today)