Regatas “Atlantic Rally Cruisers” e “Island Odissey” escalam Mindelo com 78 iates

318

Um total de 78 iates da regata Atlantic Rally Cruisers (ARC+ 2017) está aportado na Marina do Mindelo com mais de 300 navegadores. A chegada desta que é uma das maiores regatas do mundo é um acto carregado de simbolismo porque, além de embelezar a Baía do Porto Grande, ajuda a movimentar a economia de S. Vicente e coloca a ilha mais uma vez na rota mundial dessa competição transoceânica.

Esta é a quinta vez que a ARC+ escala a Marina do Mindelo, numa viagem integrada numa prova que partiu de Las Palmas, nas ilhas Canárias, em direcção à Santa Lucia, na América Central. Os 300 aventureiros, que foram recebidos pela direcção do cais flutuante com batucada e três passistas do Carnaval, aproveitaram também para conhecer a cultura cabo-verdiana e os sítios mais emblemáticos da ilha de São Vicente, como o pico de Monte Verde e a Praia Grande, e ainda viajaram para a vizinha ilha de Santo Antão.

A regata fica em São Vicente durante três dias, mas a sua passagem pela ilha é bem vista pelos operadores económicos, já que, para além do impacto na divulgação de Cabo verde como destino turístico, ajuda a gerar receitas. “Sempre traz um grande impacto porque toda a tripulação precisa de comida, bebidas e abastecimento. O nosso restaurante tem capacidade para atender 60 pessoas no máximo, mas essa regata trouxe 300 pessoas e, por isso, elas saem à procura de outros serviços na cidade. Em média, uma pessoa consome no mínimo 50 euros por dia. Às vezes até consomem mais nos hotéis, bares e restaurantes da cidade”, afirma Lutz Meyer Scheel, gerente e proprietário da Marina do Mindelo.

A partida dos navios de recreio acontece na quarta-feira às 12 horas, altura em que se despedem do Monte Cara na sua viagem em direcção à ilha de Santa Lucia. Entretanto, 20 iates da Island Odissey, que estiveram em S. Vicente, regressam no dia 16 à baía do Porto Grande, onde encontrarão uma segunda regata liderada pelo navegador Jimmy Cornell. Juntos farão uma viajem entre as ilhas de Cabo Verde e depois uma rota transatlântica para Barbados, Caribe, desta vez com 24 iates.

Carina David

(Visited 327 times, 1 visits today)