Campeões!

207

Por Nelson Faria

Este final de semana ficou marcado desportivamente pela disputa, em Porto Novo, da final do Campeonato Nacional de Futebol e também pela final do Campeonato Nacional de Andebol masculino, disputado no Sal.

Primeiro, com todo mérito e justiça, a Académica da Praia sagrou-se campeã Nacional pela primeira vez na sua história. No jogo da final, foi a mais lúcida, mais competente e a mais determinada na conquista do título, mesmo num ambiente, todo ele, favorável ao Mindelense. A qualidade dos seus jogadores e estratégia que traziam foram decisivos na conquista. Merece o reconhecimento e os parabéns pelo brilhantismo da vitória. Quando se ganha em campo dessa forma não há discussão possível sobre a justeza do vencedor. Parabéns Campeão! Tem jogadores para galgarem outros patamares e altos voos, a cabeça, o Edson. Que jogador!

Segundo, o Mindelense! Na minha perspectiva, com um plantel com menos opções de qualidade que nos anos anteriores, sobretudo no meio campo, apesar de nomes consagrados que não merecem discussão, como o Capitão Nando ou o Toy Adão, não conseguiu ultrapassar a última barreira para ser campeã nacional. Todavia, demonstrou várias coisas: a primeira é que é a campeã regional com todo o mérito e a melhor representante de São Vicente nas competições nacionais, segundo, chegou a final com uma estratégia bem montada ao nível do jogo pelos resultados, nem tanto pelas exibições. Mais uma vez, representou dignamente São Vicente em todas as fases do campeonato. Demonstrou igualmente que se não fosse o “cambalacho” do ano passado se calhar iria a final. Poderia perde-la? Se calhar, mas também poderia ter ganho. Bem, águas passadas… No corrente ano, dizia, com um plantel mais limitado ao nível da qualidade, a estratégia resultadista apenas não surtiu efeito no prolongamento da final. Até lá, a seu modo, a equipa bateu-se para ganhar nos noventa minutos, mas o jogo acaba apenas quando o árbitro soa o ultimo apito e este veio após trinta minutos de prolongamento. Aí o adversário já se tinha relvado melhor. Porém, nem por isso devem os Mindelenses e a equipa sentirem-se vexados apesar do embaraço de estar tão perto e “morrer na Praia”. Quantas equipas podem gabar-se de serem a que mais títulos regionais e nacionais detêm neste país? Que equipas podem gabar-se de estarem consecutivamente nas fases decisivas do Nacional nos últimos dez anos tendo ganho, inclusive, um tetra? Que equipa pode gabar-se de não ter perdido nenhum jogo nos noventa minutos regulamentares em todo o campeonato? Basta? Para um Mindelense, claro que não. Mas também não deve servir para desmerecer a equipa e não ver o que ela fez ao longo da época desportiva, o que ela tem feito nos últimos anos, sobretudo o que ela representa para todos nós. O Mindelense é e será sempre o nosso eterno campeão. Merece o nosso apoio na vitória e na derrota. A época 2018/2019 já começou e que o Mindelense seja campeão novamente. Como diz o compositor Jotacê:

“Espancá pê na Tchôn

Cabeça erguid

Mindelense ê estimid

Nôs voz ninguém ta calá

Nem ont, nem hoj

Ês ca tem poder k nôs

Ês podê tê tentá

No ta vergá ma no ca ta quebrá”!

Não ganhamos com a bola nos pés, ganhamos com a bola nas mãos. O Atlético Clube do Mindelo é campeão Nacional de Andebol masculino. Ganhou no Sal à Académica… da Boa Vista, tendo antes ultrapassado três equipas de Santiago, inclusive o detentor do título, o Desportivo da Praia. Esta equipa caracteriza-se pela união e qualidade dos seus jogadores. Tem provas dadas e créditos firmados no campeonato regional. Ganhar o nacional, apesar das dificuldades postas pelos adversários e de um grupo que perdeu valores seguros do plantel anterior, foi o consagrar do bom andebol que se pratica na ilha. Merecem ser parabenizados, reconhecidos e acarinhados por São Vicente. Espero que as entidades locais e os mindelenses saibam dar valor ao que de muito bom se tem registado ao nível do desporto regional nas condições que são o que são… Esta equipa merece a nossa atenção e acompanhamento. Se me é permitido esta comparação, pode vir a ser o nosso “Mindelense” com a bola nas mãos. Parabéns campeões!

Por fim, esta semana, começa o campeonato de andebol feminino em São Vicente e o Amarante precisa do nosso apoio no Polidesportivo Oeiras. Bora lá ajuda-las a serem campeãs!

(Visited 333 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here