CCV abre Entreposto Postal Aéreo do Sal esta tarde

29

O ministro José Gonçalves descerra esta tarde na ilha do Sal a placa inaugural do Entreposto Postal Aéreo, a nova aposta dos Correios de Cabo Verde. Conforme nota da empresa, a abertura desse centro visa acompanhar a demanda crescente do tráfego do correio e melhorar a performance operacional da referida ilha, plataforma do denominado hub aéreo do Atlântico Médio.

Números avançados pelos CCV mostram que o tráfego postal vem aumentando de forma exponencial desde 2016, tendo atingido um crescimento na ordem dos 52,7% em 2018, em relação ao ano anterior. Este salto, acrescenta a empresa, é justificado em grande parte pelo aumento do movimento do correio internacional recepcionado em Cabo Verde, à volta dos 114 por cento. “Este aumento do correio internacional recebido é devido sobretudo ao fenómeno e-commerce, que representa uma proporção vantajosa em termos de tráfego comparado aos demais serviços postais. Estima-se que até 2020 cerca de 940 milhões de compradores online vão gastar cerca de 1.000 bilhões para transações electrónicas – relatório Globalização Digital”, avança os CCV.

O entreposto postal do Sal tem ainda por objectivo aumentar a capacidade logística da empresa ao nível do condicionamento, tratamento e transporte de mercadorias e cargas postais a descobertos com destinos e origens em África, Américas e Europa. Com o espaço em pleno funcionamento, os CCV afirmam que será garantida a celeridade no processo de recepção, tratamento, encaminhamento e entrega de todos os objetos postais da ilha do Sal e reduzir o tempo de verificação aduaneira, uma vez que os serviços das alfândegas serão garantidos no local.

O descerramento da placa está agendado para as 15 horas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here