Crime de ódio: Detido suspeito da morte de 20 pessoas no Texas

159

Um tiroteio ocorrido no sábado num centro comercial em El Paso, no estado norte-americano do Texas, provocou pelo menos 20 mortos e mais de duas dezenas de feridos. As autoridades investigam um possível crime de ódio.

“Vinte pessoas inocentes perderam ontem a vida em El Paso e mais de duas dezenas ficaram feridas”, disse em conferência de imprensa o governador do Texas, Greg Abbott, no primeiro balanço oficial após o tiroteio.

Já o chefe da polícia de El Paso, Greg Allen, afirmou que as autoridades encontraram um manifesto do suspeito que indica que este poderá ser um “crime de ódio”. “Temos um manifesto do indivíduo que indica, até certo ponto, uma possível ligação com um crime de ódio”, disse Greg Allen.

Patrick Crusius, um branco de 21 anos e detido pela polícia, foi já identificado como o autor do tiroteio de sábado num supermercado Walmart no sul de El Paso, uma cidade fronteiriça com o México, com cerca de 700 mil habitantes.

As primeiras informações dão conta que o autor dos disparos, natural de Allen, no Texas, terá actuado sozinho e a arma que utilizou foi apreendida.

O Presidente dos EUA, Donald Trump qualificou de “terrível” o tiroteio, referindo-se a “muitos mortos” numa mensagem publicado no Twitter. “Terrível tiroteio em El Paso. As informações são muito más, há referência a muitos mortos”, referiu na mensagem. “Falei com o governador” do Texas, Greg Abbott, para lhe “transmitir o apoio do governo federal”, acrescentou.

Da mesma forma, o vice-Presidente dos EUA, Mike Pence, lamentou “a perda de tantas vidas inocentes”, na mesma rede social e o governador de Nova Iorque, Adrew Cuomo, manifestou pesar com o “terrível tiroteio” e criticou Trump por se curvar perante a National Rifle Association (NRA).

“Enquanto o Presidente se curva covardemente perante a NRA, a epidemia da violência armada está a destruir a nossa nação”, disse.

C/CM

(Visited 245 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here