Eficiência da produção agrícola brasileira é referência mundial

31

Um estudo realizado pela agência espacial norte-americana (NASA), em conjunto com o Serviço Geológico (USGS) dos EUA, mostra que o Brasil utiliza apenas 7,6% de seu território com lavouras, somando 63.994.479 hectares. Este diz ainda que aquele país sul-americano protege e preserva a sua vegetação nativa em mais de 66% do seu território, confirmando pesquisas preliminares da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária-Embrapa, que reafirma a sustentabilidade do agrobusiness brasileiro.

Em comparação com outros países, segundo a NASA, a Dinamarca cultiva 76,8% do seu território, ou seja dez vezes mais que o Brasil; a Irlanda 74,7%, os Países Baixos 66,2%; o Reino Unido 63,9% e a Alemanha 56,9%. As áreas cultivadas variam de 0,01 hectare por habitante – em países como Arábia Saudita, Peru, Japão, Coreia do Sul e Mauritânia – e até mais de três hectares por habitante no Canadá, Península Ibérica, Rússia e Austrália. Já o Brasil tem uma área cultivada de 0,3 hectare por habitante e situa-se na faixa entre 0,26 a 0,50 hectare por habitante, caso da África do Sul, Finlândia, Mongólia, Irã, Suécia, Chile, Laos, Níger, Chade e México.

Este levantamento apresenta também subsídios sobre segurança alimentar no planeta, com a medição da extensão dos cultivos, áreas irrigadas e de sequeiro, intensificação no uso das terras com duas, três safras e até áreas de cultivo contínuo. Não entram nesses cálculos áreas de plantio florestal e de reflorestamento. No Brasil contaram-se apenas as lavouras. Diz ainda que a área da Terra ocupada por lavouras é de 1,87 bilhão de hectares. A população mundial atingiu 7,6 bilhões em outubro passado, resultando que cada hectare, em média, alimentaria 4 pessoas. A produtividade por hectare vária muito, assim como o tipo e a qualidade dos cultivos.

Ao cultivar apenas 7.6% do seu território e, ainda assim, manter a produção agrícola entre as mais competitivas do mundo, refere o estudo, os agricultores brasileiros demonstram elevada produtividade, domínio de tecnologia e profissionalismo. A maior parte dos países utiliza entre 20% e 30% do território com agricultura. Os da União Europeia usam entre 45% e 65%. Os Estados Unidos, 18,3%; a China, 17,7%; e a Índia, 60,5%. Já as maiores áreas cultivadas estão na Índia (179,8 milhões de hectares), nos Estados Unidos (167,8 milhões de hectares), na China (165,2 milhões de hectares) e na Rússia (155,8 milhões de hectares).

Estes dados, que chegaram à redacção do Mindelinsite por intermédio da Embaixada do Brasil na cidade da Praia, revela ainda que somente esses quatro países totalizam 36% da área cultivada do planeta. O Brasil ocupa o 5º. lugar, seguido pelo Canadá, Argentina, Indonésia, Austrália e México.

(Visited 33 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here