Estrada Cidade-Baía das Gatas vandalizada antes mesmo de ser inaugurada

1336

A estrada que liga a cidade do Mindelo a estância balnear da Baía das Gatas, que será inaugurada na tarde de hoje pelo Primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva, foi vandalizada. A informação foi confirmada pela ministra das Infraestruturas, que explicou que a estrada está sob a responsabilidade da empresa que faz a gestão das estradas de Cabo Verde. Eunice Silva disse ainda que a empresa vai apresentar uma queixa na Polícia Judiciária.  

O acto de vandalismo surpreendeu os vários membros do Governo e a empresa que executou a obra, que esteve a trabalhar até tarde da noite de ontem para fazer os últimos acertos nesta infraestrutura, o que leva as pessoas a afirmar que os estragos devem ter sido feitos durante a madrugada de hoje. A ministra Eunice Silva realçou em comunicado apresentado hoje no Mindelo, que o Governo, que se encontra em peso nesta ilha para participar na inauguração, ficou surpreendida.

“Durante a noite a estrada foi vandalizada e isto nos apanhou de surpresa. Só temos a lamentar, na medida em que há muito dinheiro ali investido. Estamos a falar em algumas centenas de milhares de contos, mais precisamente de 300 mil contos. É uma estrada reivindicada a muito tempo pelos sanvicentinos e agora somos confrontados com esta situação”, lamentou Eunice Silva.

A ministra garantiu que o Governo vai se preparar para situações do género não se repitam. Referiu que a missão do Governo é continuar a trabalhar. Aliás, neste momento já tem outras frentes de trabalho pelo que vão prosseguir, mas que diz “o Governo só tem a lamentar”.

 Segundo Eunice Silva, os estragos já foram todos inventariados. Demandam pinturas nas pistas, ao longo das faixas de rodagem e em muros de protecção. Mas podem ser reparadas com novas pinturas ou repondo o asfalto.

De referir que a estrada Cidade-Baía das Gatas custou cerca de 300 mil contos e será inaugurada às 16 horas pelo Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva. A primeira pedra para a sua requalificação foi lançada a 23 de Agosto de 2018, também pelo chefe do Governo. Foram asfaltados um total de 11 quilómetros de via, incluindo os três quilómetros de acesso à aldeia piscatória de Salamansa, num investimento global de 300 mil contos.

Constânça de Pina

4 COMENTÁRIOS

  1. O titulo deste artigo não condiz com a realidade dos factos. Compreende-a mensagem escrita , pintada . Isso não é acto de vandalismo. O asfalto não sofreu nehum dano. Mas a mensagem é extremamente importante para a saúde pública. Pois a segurança dos peões é muito mais importante. O risco de perdas humanas é iminente, conhecendo a mentalidade dos condutores em São Vicente.

  2. Vandalismo? Escrever palavras de ordem para segurança das pessoas e autonomia da ilha é vandalismo, o que dizer de danificações de edifícios históricos no centro de Mindelo. Essa sra não entende nada de obras e pensa que a judiciária não tem mais que fazer? Repor asfalto? Sinceramente, Sr primeiro na próxima remodelação coloque na frente desse ministério alguém q tenha o mínimo conhecimento de obras. Até agora essa sra não disse nada de importante para SV. Ainda lembro daquela q SV deveria ser travada no seu desenvolvimento!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here