Grupos de Carnaval vão apresentar subsídios para Estatutos da futura Liga

363

Os grupos de Carnaval de São Vicente voltam a reunir-se no próximo dia 11 já com propostas concretas para a elaboração do Estatuto para a futura Liga das agremiações. A ideia é usar as leis que sustentam o Carnaval do Brasil e adaptá-las à realidade de São Vicente.

Fatinha do Rosário, presidente do grupo Cruzeiros do Norte, afirma que esse encontro do dia 11 será um passo concreto para estabelecer as normas que vão reger a Liga dos grupos a ser criada na cidade do Mindelo. É que os grupos vão analisar o estatuto da Liga de Escolas de Samba (LIESA) do Rio de Janeiro, tirar subsídios e adapta-los às leis e à realidade cabo-verdina.

“Na primeira reunião tínhamos dois pontos em agenda. A primeira era a criação da Liga de grupos e a segunda era preparar a viagem para beber das experiências do Brasil. Decidimos então que cada grupo terá a tarefa de analisar o estatuto da LIESA e levar contribuições para o próximo encontro do dia 11. Também temos um jurista que está a trabalhar connosco na elaboração do documento”, explica Fatinha, que enaltece o ambiente de garra e de empenho em que decorreu a reunião.

Durante os próximos meses os responsáveis das agremiações vão estar concentrados para garantir a sustentabilidade jurídica da Liga. Por isso, defende esta promotora do Carnaval, é necessária uma coesão entre os grupos para que possam apresentar as propostas e a melhor forma de se dar um carácter mais institucional a esta festa. “Os grupos estão bastante motivados pura e simplismente para melhorar o Carnaval de São Vicente. Por isso ponderamos a ida de uma comitiva do Carnaval ao Brasil e vamos apresentar a ideia ao Ministério da Cultura”, informa essa dirigente.

Paralelamente a esses démarches, as agremiações vão reunir-se nos próximos dias com os carnavalescos e com o presidente da Câmara Municipal de São Vicente já a preparar o Carnaval do próximo ano. Como diz a porta-bandeira do Samba Tropical, é preciso começar a mudar a mentalidade das pessoas e passarem a preparar o Carnaval com mais antecedência.

(Visited 385 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here