Marrocos aborta nova tentativa de imigração ilegal

36

A marinha marroquina abortou uma tentativa de imigração ilegal de 86 candidatos cidadãos daquele país, incluindo duas mulheres, no litoral atlântico de Kenitra, próximo de Rabat. O barco usado fico à deriva por vários dias.

A operação foi possível graças à vigilância dos elementos da Marinha Real, indica uma fonte militar. Os candidatos a emigração foram interceptados quando se preparavam para embarcar.

Na terça-feira de manhã, 09 de Outubro, guardas costeiros da Marinha Real Marroquina socorreram 15 embarcações em dificuldade que transportava 366 candidatos à migração clandestina.

Marrocos tem sido alvo de um fluxo de migrantes e refugiados que sonham em chegar à Europa. A maioria tenta chegar às costas da Espanha por mar, outros por terra cruzam as cercas que separam o Marrocos dos enclaves espanhóis de Ceuta e Melilla.

A imigração em massa de marroquinos levou a Marinha Real a montar um potente sistema de vigilância na região Norte, constataram os observadores.

Fonte: Angop

(Visited 111 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here