“Meninas de Lionass” fazem show solidário no Hotel Porto Grande

440

O Hotel Porto Grande recebe este sábado, 16, um espectáculo solidário para com Lutcha Mendes, que se encontra doentes nos Estados Unidos. O show é promovido pelas “Meninas de Lionass”, um grupo de ex-colegas e amigas do curso de Formação Feminina, na Escola Industrial e Comercial do Mindelo.

Em palco vão estar Jorge Sousa, Eliana Rosa, Edson Oliveira, Constantino Cardoso, Homero Fonseca, Carmem Silva e Grupo Coral da Escola Jorge Barbosa. O suporte musical será da banda constituída por Bau, Kikas, Jimmy, Djassa, Djudjim, Yanik, Txenta, que assina a direcção musical.  

Antes das actuação, a professora Marina Ramos fará uma comunicação, para explicar a origem e as motivações das “Meninas de Lionass, grupo que emprestou o nome ao mestre e professor de desenho Leonel Madeira.

“Fomos colegas no curso de Formação Feminina, na década de 80, na Escola Industrial e Comercial do Mindelo (EICM). Lutcha foi residir nos EUA, mas vem sempre nas férias e fazemos alguma actividade. Inicialmente éramos um grupo pequeno, que foi crescendo. Em 2012 realizamos um jantar, onde fizemos muita ´pandegaria`, como diria o professor Leonel Madeira. Desde então continuamos a encontrar em almoços e jantares. Quando algum membro constrói ou muda de casa fazemos a sua inauguração. Igualmente quando os colegas, que residem no estrangeiro estão aqui nas férias, aproveitamos para fazer alguma actividade”, conta Gilda Fortes.

Este acolhimento aos colegas acabou por aproximar as antigas colegas de escola, que hoje são um grupo de amigas unidas. Foi esta amizade que levou a que unissem esforços agora na doença de Lutcha. “Quando soubemos que ela estava doente, decidimos doar um dia do nosso salário. O montante foi enviado para os EUA, mas entendemos que podíamos fazer algo mais para ajudar. Pensamos fazer uma tarde de chã, mas exigia muita logística. Então optamos por um espectáculo. Felizmente, os artistas aceitaram colaborar, o mesmo acontecendo com o Hotel Porto Grande, que nos cedeu o espaço gratuitamente. Toda a receita arrecadada vai ser enviada para os EUA”.

Mas os apoios vieram de outros parceiros, nomeadamente do Comando Militar, da Delegação do Ministério da Educação e de várias empresas, que resolveram associar a esta iniciativa. O público mindelense também aderiu e os 650 bilhetes colocados à venda esgotaram-se muito antes do espectáculo.

Gilda não se mostra surpreendida com os apoios e envolvimento das pessoas e empresas porque, diz, os mindelenses são solidários. “Fomos bem-recebidos em todas as portas que batemos. Os mindelenses são conhecidos por serem solidários e não nos defraudaram. Não somos um grupo credenciado e nem uma associação, mas acreditaram e decidiram apoiar esta nossa iniciativa, que basicamente visa apoiar uma amiga que está doente”.

Paralelamente, as “Meninas de Lionass” criaram uma página no facebook que está a ser muito procurada, sobretudo por ex-alunos da EICM.

Constânça de Pina

(Visited 663 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here