“Montsú” visita quadra do “Samba”: entrelaçar bandeiras em nome da cordialidade

633

O Samba Tropical abriu ontem alas a uma comitiva do grupo Monte Sossego, que decidiu fazer uma visita de cortesia à sua quadra. Os visitantes foram recebidos pela direcção e velha guarda da escola de samba, num ambiente de cordialidade e espírito carnavalesco.

Além do vice-presidente, o Montsú levou o casal Porta-bandeira/Mestre-sala e a Rainha da bateria, que sambaram ao som da batucada do Samba Tropical, acompanhados da Porta-bandeira deste grupo que completa 30 anos de existência em 2018.

É uma honra receber a delegação desta grande escola que tem marcado o Carnaval de S. Vicente. Carnaval é isto, é a convivência e queremos agradecer esta visita e desejar toda a sorte do mundo ao Monte Sossego no dia 13 de Fevereiro. Que os seus foliões desfilem com o emblema no coração porque o que faz uma escola de samba ganhar é vivenciar o seu emblema”, realçou David Leite numa curta mensagem endereçada aos visitantes, antes de anunciar a entrega de um troféu ao vice-presidente do Montsú para marcar esse momento.

Antes da partida da delegação, a batucada de Monte Sossego fez uma rápida actuação e houve ainda tempo para a foto de família. Na próxima sexta-feira será a vez do grupo Cruzeiros do Norte “invadir” a quadra do Samba Tropical. Seguirão Vindos do Oriente e Flores do Mindelo, quando já só faltam quinze dias para o grande show do Samba, que homenageia a diva Cesária Évora. Aliás, está agendado um ensaio técnico à porta da casa da Cise, no Sábado antes do desfile, mas o grupo vai partir da praceta Dom Luís e dar duas voltas no centro da cidade do Mindelo, no dia 12 de Feveiro à noite.

(Visited 721 times, 1 visits today)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here